Alunos aprendem de forma diferente

Atualizado: Jan 4

Escola homogénea ou heterogénea ?

A escola, nos tempos de hoje, ainda é vista como o professor a explicar os conteúdos para os seus alunos. Apesar desta ideia ser já considerada ultrapassada, conhecendo a realidade das nossas escolas (número de alunos, número de alunos ,dependência dos manuais,…) todos sabemos que não é bem assim.


Por outro lado, sabemos que os nossos alunos não aprendem todos da mesma maneira e por isso os professores tentam criar estratégias diferentes para envolver o maior número de alunos.


Escola

Aprendemos de forma diferente?


Na escola ou no nosso grupo de amigos é fácil perceber que não aprendemos todos do mesmo modo. Quem não consegue identificar aquele amigo que memoriza todas as canções, ou aquela amiga que cita partes do livro que leu, ou o que nem precisa do mapa para se orientar na cidade que estamos a visitar,…


Todos estes nossos amigos são diferentes e têm mais facilidade em compreender o mundo de determinada maneira. Ora na escola não será diferente. Os nossos alunos percebem o mundo que os rodeia segundo as suas características.


O Dr. Richard Mark Felder chama a estas diferenças estilos de aprendizagem, que considera uma preferência característica e dominante na forma como as pessoas recebem e processam informações, considerando os estilos como habilidades passíveis de serem desenvolvidas.


Alunos diferentes

A importância dos diferente estilos de aprendizagem será a mesma para os alunos na escola?

Com base na minha experiência profissional e do trabalho efetuado com os alunos que apresentam mais dificuldade no seu “desempenho“ escolar, pude verificar a sua forma de aprender. Era notório que eles tinham diferentes maneiras de aprender mas todos apresentaram baixos resultados no estilo verbal. Este estilo caracteriza-se, de um modo geral, por alunos que adoram aprender a ler e a escrever. Absorvem informações por meio de listas, textos dos manuais, enciclopédias, dicionários, livros, entre outros.


Estes alunos verbais destacam-se sob instrução verbal, nomeadamente quando esta surge por escrito (testes, fichas, manual, …). Será assim fácil de compreender a vantagem que constitui para a escola que temos.


Esta realidade tem-se verificado igualmente nos alunos acompanhados pelo Centro da Criança. Por isso, depois do Diagnóstico de Aprendizagem, procuramos, não só desenvolver esta área (pois será sempre precisa na escola atual), como usar estratégias que privilegiam os estilos de aprendizagem onde são mais fortes, permitindo aprender de modo mais eficiente.

Miguel Ferreira


Centro da Criança

Espaço de Partilha

919765708

geral@centrodacrianca.pt

 

Parque das Nações , Lisboa

Portugal 

  • White Facebook Icon
  • White Twitter Icon
  • White Google+ Icon
  • White YouTube Icon

2019 Centro da criança - Ensinamos como ele(a) aprende.